Arquivo da tag: Visto

VISTO PARA A NOVA ZELÂNDIA

Bom dia, meus monstrinhos. como vão?

Essa semana vou falar apenas sobre o país do Bilbo Baggins! Nosso querido Hobbit! Irei falar da Nova Zelândia! Um dos países mais belos do mundo, presente na Oceania!

Irei falar sobre intercâmbio, como eles tratam estrangeiros, e etc. Espero que gostem da série.

Referencia total ao site


Aplicação do visto, bem como todas informações pertinentes para entrada do cidadão brasileiro na Nova Zelândia é um dos principais passos para realizar seu sonho. Sabendo dessa importância, a  Nova Zelândia Brasil lhe orienta, bem como encaminha todos os detalhes do processo dentro da nossa agencia diretamente com nossos consultores. Esse processo, feito diretamente na agência, proporciona segurança e praticidade para os nossos clientes.

Formulários necessários para o Visto de Estudante da Nova Zelândia

  • Formulário para Visto para Estudante (Student/Permit Application). Deve ser preenchido e assinado pelo aluno
  • Formulário de Comprovação financeira (Financial Undertaking). Deve ser assinado pela pessoa que estiver financiando o curso e pelo gerente do banco

Link para download dos formulários

Visto de Estudante

Cursos de até 3 meses não necessitam de visto de estudante.
Para quem for realizar um curso de período integral com duração superior a três meses deve apresentar a seguinte documentação na Embaixada:

  • Passaporte (válido até no mínimo três meses após a data de saída da Nova Zelândia)
  • Duas fotos recentes (3×4) coladas no formulário.
  • Formulário para Visto para Estudante, preenchido e assinado pelo aluno. Download do formulário.
  • Formulário de Financial Undertaking assinado pela pessoa que estiver financiando o curso e pelo gerente de seu banco (Comprovação financeira). Download do formulário.
  • Oferta de lugar na escola/universidade
  • Recibo da escola comprovando pagamento integral do curso
  • Garantia de acomodação com endereço onde o aluno vai ficar hospedado
  • Cópia da passagem aérea (ida e volta) ou print da reserva
  • EXAME MÉDICO: Apenas para quem for permanecer na Nova Zelândia por mais do que 6 meses:
    • Entre 6 meses e 1 ano: Formulário “X-Ray Certificate” preenchido pelo médico (obrigatório a assinatura e carimbo do CRM do médico), foto do aluno colada ao formulário e assinada pelo médico + laudo medico que é emitido junto com a radiografia: Download do formulário.
    • Mais que 1 ano: Atestado Médico completo: Download do formulario.
      **OBS. os formulários médicos devem necessariamente ser preenchidos por um médico credenciado pela Imigração da Nova Zelândia

** A VALIDADE DO VISTO de estudo é proporcional ao período pago do curso.
** Para a RENOVAÇÃO do visto na Nova Zelândia deve-se ir ao posto de Imigração mais próximo. Não há necessidade de sair do país.

SE O CURSO DURAR MAIS QUE 12 MESES, APRESENTAR
– Menor de 17 anos: carta de recomendação
– Maior de 17 anos: atestado policial

Permissão para Trabalho

Segundo as novas regulamentações da imigração da Nova Zelândia, a partir de Janeiro de 2014, estudantes internacionais que desejam trabalhar na Nova Zelândia, devem obter o visto de estudante, se matricular em escolas de boa qualidade (Categoria 1 do NZQA), o curso deve ser de período integral (minimo de 20 horas de estudo por semana) e duração minima de 14 semanas.

Com a nova permissão, os estudantes brasileiros poderão trabalhar 20 horas semanais durante sua estadia na Nova Zelândia.
Poderão trabalhar em período integral durante as férias do curso apenas estudantes em cursos de duração superior a 12 meses.

Obs: Regras para escolas Categoria 2 do NZQA permanecem inalteradas, sendo necessário curso com duração de pelo menos 6 meses e obter nota 5.0 no IELTS. Portanto recomendamos estudos de inglês apenas nas escolas Categoria 1 para você já sair com sua permissão de trabalho sem maiores custos e burocracias.

Veja mais sobre como trabalhar na Nova Zelandia.

O que é a condição LIMITED VISA no visto de estudante?
Essa condição pode ser imposta pelo Oficial de Imigração no momento de deferir o visto, onde é estabelecido uma restrição ao estudante para estender ou aplicar qualquer outro tipo visto de dentro da Nova Zelândia. Dessa forma, o estudante é obrigado a deixar o país ao final da vigência do visto. Em alguns casos, o Oficial também pode restringir a permissão de trabalho do estudante.

O LIMITED VISA é aplicado em situações onde a Imigração não está plenamente convencida que o propósito da viagem seja genuinamente apenas para estudo ou que as condições do aplicante não atendam totalmente a todas exigências do país. Ainda sim, eles analisam prioritariamente a concessão do visto com a limitação do que a decisão de negá-lo.

Visto de Turismo

No aeroporto o visitante recebe uma permissão de estadia no País de três meses que podem ser prolongados antes de sua data de expiração, em qualquer escritório da imigração (Immigration Office) no País, por até no máximo nove meses.

No desembarque pode ser solicitada uma comprovação de provisão de fundos durante a estadia na Nova Zelândia de NZ$ 1.250,00 (mil dólares Neozelandeses) para cada mês, este valor pode ser comprovado em espécie, travel cheque ou fatura do cartão de crédito, o mesmo é exigido na extensão do visto ou permissão nos escritórios da imigração. Ou NZ$ 400,00 (quatrocentos dólares Neozelandeses) e evidência de acomodação pré-paga. Após o período de 12 meses como visitante você deverá ficar fora da Nova Zelândia por 12 meses ou mais para então poder retornar ao País como turista novamente. Os funcionários da Imigração na Nova Zelândia são prestativos e cuidadosos, sempre pacientes e com disposição de passar de forma clara e simplificada todas as informações necessárias para a extensão ou troca de seu visto ou permissão.

Quem possui passaporte Brasileiro não precisa de visto para entrar na Nova Zelândia, e pode permanecer lá, como turista ou estudando, por até 3 meses.

É necessário apenas:

  • Passaporte válido
    Passagem de ida e volta (Importante: para evitar problemas na imigração o retorno deve estar marcado para, no máximo, 3 meses após a entrada na Nova Zelândia)
  • Comprovante que possui dinheiro suficiente para se manter na Nova Zelândia pelo período desejado (pelo menos NZ$ 1.250,00 por mês – dólares neozelandeses) (através de traveler cheque, dólares, cartão de crédito ou cartão pré-pago de viagem)
  • Comprovante da reserva de hotel na Nova Zelândia ou endereço onde ficará hospedado.
  • ATENÇÃO: Como turista ou com visto de estudante é TERMINANENTE PROIBIDO trabalhar. O Serviço de Imigração da Nova Zelândia adota procedimentos rigorosos de controle de entrada no país de modo a assegurar que as pessoas que estejam adentrando a Nova Zelândia cumpram com as exigências estabelecidas no acordo de isenção parcial de visto firmado entre os dois países. Quem for pego trabalhando sem visto de trabalho será deportado imediatamente.

Visto de Trabalho:

O visto de trabalho só é dado para quem conseguiu um emprego na Nova Zelândia.
O empregador deverá ter uma autorização da Imigração da Nova Zelândia para estar contratando um estrangeiro, caso seja dada a autorização deve-se fechar um contrato com o empregado. Só então o empregado deverá solicitar o visto de trabalho no Consulado da Nova Zelândia no Brasil ou em um posto de imigração na Nova Zelândia. O visto de trabalho será dado pelo período descrito no contrato de emprego.

Imigração para a Nova Zelândia:

Qualquer assunto relacionado à imigração deverá ser tratado diretamente com a Imigração ou com um agente de Imigração registrado junto ao governo da Nova Zelândia.
Para mais informações favor consultar o site www.immigration.govt.nz

Vacinas:

Nenhuma vacina é exigida para viajar para a Nova Zelândia.

Visa Application Centre

Os documentos referentes à aplicação de visto deverão ser enviados para o Visa Application Centre (VAC) em Washington:

Endereço:
1120 19th Street NW
Suite No. 415
Washington, DC. 20036
Telefone: +1 202 223 3400
Fax: +1 202 223 3900
E-mail: ttswashingtonnz@ttepl.com
Website: www.ttsnzvisa.com

Horário de expediente: 9.00am to 4.00pm, Monday to Friday (horário de Washington)
Horário do Call Centre: 9.00am to 4.00pm, Monday to Friday (horário de Washington)

Para informações acerca de vistos para a Nova Zelândia visite www.immigration.govt.nz

AU PAIR NA SUIÇA!

Boa tarde monstrinhos!

Bem, já passou algumas semanas, e eu deixei de falar sobre o Au Pair e tudo mais, então decidi fazer o PRIMEIRO ‘roteiro’, no qual mostra os requisitos para que você realize um, o país em questão é o Chile, em sua capital Santiago! Quem sabe algum de vocês queiram.


Não se lembra o que é, confira aqui


A Suíça é um belo país que oferece diversos atrativos para as pessoas que desejam viver e trabalhar como Au Pair. Sendo localizada no centro da Europa, a Suíça faz fronteira com Alemanha, França, Itália e Áustria.  Sendo uma ótima oportunidade para aprender e praticar seus diversos idiomas oficias (alemão, francês, italiano e até romanche – dialeto local).

Uma parte do custo com o curso de idioma será a família anfitriã irá cobrir, ou seja, a Suíça é o lugar ideal para aprender alemão e ao mesmo tempo aperfeiçoar seu francês ou italiano.

A Suíça é um dos países mais ricos do mundo e pode oferecer uma alta qualidade de vida para uma Au Pair, como também uma ótima experiência. As famílias suíças normalmente possuem casas no interior e muitos procuram uma assistente para as suas viagens familiares, que inclui esquiar ou fazer outro tipo de esporte de inverno durante este período.
Por ser um país rico, o custo de vida na Suíça é bastante caro. No entanto, como forma de retribuir o cuidado com as crianças e a ajuda com as tarefas domésticas, será providenciado para você uma ajuda de custo.
Seus deveres como Au Pair será principalmente focado nos cuidados com as crianças, mas a família também poderá pedir uma ajuda em alguns pequenos deveres da casa. Nada que exija muito trabalho, como por exemplo, colocar roupas na máquina de lavar, passar as roupas, etc.
Em retorno desta ajuda a família irá providenciar para você uma mesada na qual irá ser uma ótima oportunidade para você ter dinheiro para explorar este belo país. Você terá um dia de folga durante os finais de semana, dependendo do tempo que sua permanência, 4 semanas de férias, para você aproveitar desbravar a Suíça.
Com uma variação de clima, você pode aproveitar o verão úmido e quente, como também viajar para as montanhas glaciais como uma nova experiência.

Aqui está um pequeno resumo do que a Suíça pode lhe oferecer como Au Pair:

  • Idade: 18-25 anos para cidadãos não europeus, para os cidadãos europeus de 17-30 anos.
  • Tempo de Permanência: 3-12 meses com a possibilidade de extensão de 12 meses para os cidadãos europeus.
  • Rotina de Trabalho: 30 horas por semana, 5 dias por semana
  • Férias: 4 semana por ano no mínimo (sendo 5 semanas no mínimo para pessoas menores de 20 anos)
  • Custo da Viagem: A Au Pair que irá ser responsável por todo o custo da viagem, com a possibilidade de recompensação do custo depois pela família, sendo pago por partes.
  • Seguro: Será pago pela família para cobrir todo o período em que estiver trabalhando
  • Ajuda de Custo: 500 a 800 CHF por mês
  • Requisitos de Visto: Para cidadãos europeus não é necessário solicitar visto, apenas o passaporte válido. Para au pairs de outros países será necessário verificar com a agência qual processo e documentos necessários para requerer o visto.

Requisitos

  • Idade: 18 a 25 anos, para cidadãos europeus 17 a 30 anos.
  • Solteira e sem filhos
  • Experiência com crianças
  • Saudável
  • Se possível não fumante
  • Nível básica de francês, alemão ou italiano. Não tendo a mesma língua maternal que a cidade que você irá trabalhar.
  • Se possível carteira de motorista
  • Ao menos um certificado de conclusão escolar
  • Seguro Saúde
  • Deve ter dinheiro suficiente para cobrir as suas despesas de voltar ao seu país
  • A família deverá ter ao menos uma criança com menos de 16 anos

Deveres

  •   A família anfitriã deverá ter ao menos um filho com menos de 16 anos para poder se enquadrar neste tipo de programa. A Au Pair terá como responsabilidade cuidar da criança, por este motivo é necessário que a candidata já tenha experiência.
  •   Como deveres a Au Pair terá algumas tarefas como: preparar as crianças para escola, levar e pegas na escola e nas atividades extracurriculares, ajudar com as tarefas da escola, brincar com elas em casa e possivelmente preparar algumas refeições.
    A família poderá fazer algumas viagens de feriado/férias no qual você será convidada para aproveitar este momento familiar com eles viagem e ajuda-lo com as crianças durante este período.
  •   A família anfitriã poderá pedir para Au Pair falar com as crianças na sua língua nativa, para ajuda-los a melhorar as habilidades de ouvir e falar em uma língua estrangeira. Se as crianças estiverem estudando a sua língua, você será uma importante parte na educação delas e deverá estar preparada para ajuda-los na melhor forma possível.
  •   Todas as tarefas das Au Pairs deverão ser combinadas com a sua família anfitriã, assim que você chegar, juntamente com a programação.
    O objetivo de contratar uma Au Pair não é substituir uma domestica ou diarista, mas a família poderá pedir ajuda com pequenos deveres domésticos, como: varrer, colocar a roupa na maquina de lavar, passear com o cachorro, etc. Mas estes deveres deverão ser feitos depois que terminar as atividades com as crianças.
  •   A carga horária de trabalho de uma Au Pair é de 30 horas semanais, divididos em 5 dias da semana. Você não deverá trabalhar mais de 5 horas por dia, apesar de poderá ser usada durante a noite na condição de babá. Durante 15 horas da semana, ao menos um dos pais deverá estar presente.
  •   Na Suíça existe uma distinção bem clara entre Au Pair e Doméstica. Enquanto uma domestica poderá ficar no país por 2 ou 3 anos, elas também são responsáveis pela responsabilidades da casa, em vez de focar no cuidado com as crianças.
  • A função de domestica é exigida mais horas de trabalho durante a semana. Sua função será focar apenas nos cuidados com as crianças e envolve um apoio, orientação e recepção pela família anfitriã.

Contrato e Seguros

  •   O contrato da Au Pair deverá ser elaborado pela família anfitriã quando chegar, com todos os termos do acordo. Aonde irá incluir suas horas de trabalho, o valor do auxilio de custo, folgas, programação e dias de trabalho, taxas e outras pagamentos necessários a serem deduzidos do seu salário.
    Qualquer mudança do contrato da Au Pair ou incapacidade de ser cumprida, deverá ser comunicado a família anfitriã com ao menos 2  semanas antes de você começar.
  •   Poderá haver algumas variações no contrato da Au Pair e taxas locais dependendo do distrito aonde você trabalhará. Algumas informações específicas poderão ser pegas ao entrar em contato com as autoridades locais. Segue o link para mais informações:

http://www.bfm.admin.ch/content/bfm/en/home/die_oe/kontakt/kantonale_behoerden/adressen_kantone_und.html

  •   Durante a sua estadia como Au Pair você deverá ter um seguro para caso de doenças ou acidentes, sendo a família anfitriã responsável por este seguro. É extremamente importante, porque o custo com a saúde (inclusive dentária) é muito dispendioso na Suíça.
    Qualquer seguro extra para cobrir quando você estiver fora do seu horário de trabalho deverá ser pago pela Au Pair. Se você tem planos de viajar no seu tempo livre, você deverá verificar se o seguro possui cobertura para acidentes.

Ajuda e Custo

  •   Uma Au Pair recebe um salário entre 500 a 800 CHF (Francos Suíços) por mês da família anfitriã, em retorno dos seus deveres.
    Estes valores poderão ser menores dependendo da família, prévia experiência com crianças, flexibilidade e idade. Para as pessoas acima de 18 anos será deduzido do seu salário taxas e impostos para contribuição social. A família anfitriã irá pagar metade da sua taxa de saúde e a outra parte você deverá pagar.
  •   Au Pair talvez seja cobrada uma taxa pelo governo e terá também que fazer contribuições para seguro de saúde e acidentes. O custo de vida da Suíça é muito alto, e as taxas e contribuições sociais serão reduzidas do seu salário. Então, isso pode ser considerado um aviso prévio.
  •   É recomendado que você tenha uma quantia de dinheiro emergencial para caso você tenha algum imprevisto ou viagem urgente não planejada.
  •  Além da sua ajuda de custo, a família anfitriã irá providenciar seu quarto e alimentação durante a estadia em sua casa. É necessário que a sua acomodação seja privada e ocupada apenas pela Au Pair.
  •   As Pairs não poderão dividir o quarto com as crianças, ou dormir algum quarto compartilhado, tão pouco em sofá na sala de estar. Seu espaço deverá ser portas e você possui a chave além de ter luz natural.
  •   A família anfitriã irá cobrir todos os gastos com comida e bebidas consumidos em casa. Podem pedir ajudar a prepara algumas refeições para as crianças e às vezes para toda a família.
  •   Claro que as refeições feitas fora de casa no seu tempo livre deverão ser pagas do seu dinheiro, a família não é responsável por este tipo de despesa.
  •   Uma Au Pair tem 4 semanas de férias por ano, ao menos que você tenha menos de 20 anos de idade, nesse caso serão 5 semanas. Uma vez por mês você terá direito de ter um domingo de folga. A Au Pair será receberá a sua ajuda de custo neste período de férias, e poderá passá-lo fora da casa.
  •   Será exigido que você tenha aulas de idioma por 3 ou 4 horas semanais de classes se você estiver em Genebra. A família anfitriã irá cobrir os custos com o curso e você deverá ser matriculada até 4 semanas depois da sua chegada. Depois de matriculada, você deverá informar ao AWA e mostrar o comprovante de matricula. O curso de línguas que você irá estudar vai depender do idioma oficial da cidade no qual você irá trabalhar e viver.

Visto

  •   Se você não é uma cidadã dos países da união europeia, você irá precisar de uma agência de Au Pair para providenciar seu SECO, documento necessário para solicitação de visto de Au Pair.
    Aqui você pode encontrar algumas agências qualificadas para lhe ajudar com isso. São bastante limitada as vagas para esta categoria de visto, então você deve começar o quanto antes o processo. A agência irá lhe da assistência na preparação do application para obter o visto.
  •   Os cidadãos europeus não precisam se aplicar nesta categoria de visto para entrar na Suíça, porém se você é dos novos países na união (que entraram entre 2004-2007) você irá necessitar de uma autorização para trabalho antes de entrar no país.
  •   A família anfitriã pode lhe ajudar a obter a permissão de residente, que pode ser retirado nas autoridades locais. Os cidadãos europeus podem estender sua estadia até 24 meses, sem sair do país.

Referências