RELATÓRIO TRILHA PARA PARANAPIACABA, NA MATA ATLÂNTICA!

Começando brevemente, devo a trilha a uma equipe de dois (melhor dizendo, uma dupla), agradeço ao grupo Tour Jundiahy! Se querem uma boa trilha, vão atrás do Ricardo (o que me chamou para o tour) e Benício, seu sócio. Ambos os dois são excelentes nesse tipo de turismo. 


Começou com uma semana chuvosa que ao decorrer da mesma foi se tornando ensolarada e árida. Na segunda-feira fui convidado pelo meu colega de classe Ricardo para fazer uma trilha. No sábado passado já havia feito uma mini trilha em socorro na nossa visita técnica e havia questionado o mesmo se suas trilhas eram deste formato. Bem, não é, nem f*d*nd*

Topei a tal trilha, o mesmo disse que era algo bem tranquilo, eles disseram… Chegou o sábado, então logo de manhã despertei e fui me arrumar brevemente, já tinha feito a mala na sexta-feira e estava tudo pronto.

Cheguei a estação ferroviária de Jundiaí as 6:55, peguei minha passagem de ida e volta e cumprimentei os dois monitores. Durante a viagem foram chegando mais pessoas ao grupo, na estação de Várzea Paulista, Campo Limpo e na estação da Luz!

A ida até Rio Grande da Serra foi bem tranquila, logo que chegamos encontramos o restante do grupo em uma padaria, e lá comecei a ter um melhor contato com os demais indivíduos que contrataram o serviço. De lá, nos trocamos para a trilha, compramos o que queríamos comprar, abastecemos o tanque e fomos até o ponto de ônibus que, nos levou até o inicio da trilha.

001
Speech Inicial! Um dos lemas da “empresa” é a preservação, e um de seus focos aparenta ser o turismo da forma mais sustentável possível, visto que, os mesmo pedem para que seus clientes não despachem resíduos durante a trilha.

Demos uma pequena caminhada de 100 metros até uma sombra e lá o Ricardo deu uma breve explicação sobre a trilha. (2 km e meio, eles disseram…) Enfim, de lá começamos a nos guiar e dou-lhes um conselho para quando forem fazer uma trilha, NUNCA USE ROUPAS BRANCAS, PRINCIPALMENTE TÊNIS.

Sério, não usem, esse tênis é de uma das clientes. E essa sujeirinha foi criada em uma das primeiras curvas.
Sério, não usem, esse tênis é de uma das clientes. E essa sujeirinha foi criada em uma das primeiras curvas.

A trilha na ida foi um tanto complicada para a minha primeira vez, tendo em vista que sou uma pessoa estabanada, desastrada e ansiosa, quase escorreguei diversas vezes na lama. Logo que adentramos a mata “fechada”, a trilha começou a ficar mais intensa, o grupo mantinha-se comunicativo e animado (creio que todos se conheciam), tiravam fotos e anunciavam que estavam lá com alguns gritos de guerra do tipo…

OLHA A FOTO! 

A VOLTA É SEMPRE MAIS DIFÍCIL! (E REALMENTE É, VOCÊ NÃO QUER FICAR PARA TRÁS)

… E com esses gritos fomos seguindo. A trilha em si foi tranquila para os mais experientes, levou por volta de 2 horas, e durante a trilha tinhamos pequenas pausas para poder passar por alguns pontos mais complicados, e novamente, quase escorreguei um milhão de vezes, e um dos companheiros de trilha me citou algo que ficou comigo.:

VOCÊ SÓ NASCE APÓS O PRIMEIRO TOMBO DA TRILHA!

E com isso, voltei ao útero da minha mãe.

Brincadeiras a parte, continuamos a trilha, e por lá vi paisagens lindas, mas o grand finale foi o mais recompensador, tive um enorme desafio na reta final, uma descida com corda, porém, troquei-a facilmente por uma descida onde eu ia agachado, e por tentar pagar de esperto, foi uma das coisas mais difíceis da trilha. Quase escorreguei diversas vezes para tentar chegar lá, e em 3 delas se eu tivesse realmente caído, poderia ter dado algo bem ruim pois a queda seria de pelo menos 5 metros, e tinha muitas pedras junto da correnteza da cachoeira. Mas no final, compensou! Chegamos a um ponto onde as 4 cachoeiras se encontravam, e lá era bem tranquilo e gostoso, foi algo bem satisfatório.

O que levo dessa trilha é a experiência, as dores no corpo (sim, sou muito paradão, infelizmente), alguns contatos e conversas, e boas histórias para contar! Conheci algumas pessoas bem legais nessa trilha, Diego, Benício, Luana, Lina, Elly entre outros.

Novamente, agradeço a Tour Jundiahy pelo passeio! Hasta luego.


FOTOS

01 8

Tirada com Lumia Selfie
Tirada com Lumia Selfie

6 5 4

Ricardson!
Ricardson!
Tirada com Lumia Selfie
Tirada com Lumia Selfie
Tirada com Lumia Selfie
Tirada com Lumia Selfie

9 20150802101426

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s