CALBUCO! EL GIGANTE DESPERTÓ! || CALBUCO! O GIGANTE ACORDOU!

chile1

EFE/Álvaro Vidal

El volcán Calbuco, que hizo dos violentas erupciones después de más de medio siglo de inactividad, seguía inquietando a importantes zonas turísticas del sur de Chile y Argentina, ante una posible nueva erupción.

Después de las dos potentes erupciones del miércoles(22) y jueves(23), que levantaron una pluma de cenizas de más de 15 km, la actividad del volcán había descendido, aunque a primera hora de la mañana una inmensa fumarola que salía del volcán generó preocupación entre los habitantes de las localidades aledañas.

En Puerto Varas, distante a unos 40 km del volcán, las personas se abalanzaron a las calles para mirar el nuevo espectáculo que ofrecía el macizo, que permaneció dormido por 54 años, constató un periodista de la AFP.

Sim embargo, expertos explicaron que no se trató de una nueva erupción, aunque no descartaron que se vuelva a generar un episodio de ese tipo en las próximas horas.

Fue un pequeño pulso de cenizas, que no es igual al de los días anteriores.

dijo en rueda de prensa el director del Servicio Nacional de Geología y Minería (Sernageomin), Rodrigo Álvarez, quien advirtió sin embargo que

estamos aún en lo que es la crisis propiamente tal, por lo que hay una vigilancia instrumental. No es descartable un nuevo pulso (eruptivo).

La zona ubicada en las turísticas ciudades de Puerto Montt y Puerto Varas, a unos 1.300 km al sur de Santiago, se mantenían en alerta roja, con un fuerte resguardo de las Fuerzas Armadas y con las clases en colegios suspendidas.


O Vulcão Calbuco, que teve violentas erupções depois de mais de 50 anos de inatividade, seguia perturbando importante zonas turísticas do sul do Chile e da Argentina com uma possível nova erupção.

Depois das ferozes erupções de quarta-feira(22) e quinta-feira(23) que levantaram uma enorme nuvem de cinzas (15 km), a atividade do vulcão havia diminuído, até que, a primeira hora da manhã, uma imensa emissão de gases de saía do vulcão criou preocupações entre os moradores locais.

No Puerto Varas, 40 km de distância do vulcão, as pessoas foram as ruas para assistir o mais novo espetáculo que o gigante oferecia, ele acabava de despertar, após 54 anos, relatou um jornalista da AFP (Não, o espetáculo não era os vingadores)

Especialistas dizem que a explosão (e o show de imagens), não se tratou de uma nova erupção, embora que não descartem um novo episódio desta “catástrofe” nas próximas horas.

“Foi um pequeno pulso de cinzas, o que não é o mesmo diferente do que houve nos dias anteriores.”

Disse o diretor de Serviço Nacional de Geologia e Mineração (Sernageomin), Rodrigo Álvarez, que alertou porém que

“ainda estamos em uma entrevista coletiva que é a própria crise, para que haja uma vigilância instrumental. Não é descartável um novo pulso. (outra erupção)”

A Zona afetada nas cidades turísticas de Puerto Montt e Puerto Varas, cerca de 1300 km ao sul de Santiago, continuaram com alerta vermelho, com uma forte monitoração das forças armadas e com as aulas suspensas.

Fonte da noticia: laprensa.com.ni

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s